Culinária caseira marroquina, Receitas comida em Marrocos

Adoro a comida marroquina! Agora já aprendi a cozinhar comida caseira de Marrocos e sei algumas receitas deliciosas da culinária marroquina que apresento aqui. Mas nem sempre foi assim.

Quando vim para Marrocos pouco ou nada cozinhava, a minha especialidade eram omeletes. Para além disso, era muito esquisita com a comida, nunca queria provar nada de novo e estava com imenso medo de não gostar da comida marroquina e não encontrar nada para comer. Acreditem ou não, da primeira vez que vim trouxe o carro cheio de  conservas!

Foi com as minhas vizinhas que me comecei a aperceber que afinal as pessoas deste país não comem só couscous e tagine. Na verdade, a comida de Marrocos é muito variada e as receitas marroquinas são extremamente ricas em sabores que podem agradar a toda a gente.

Decidi por mãos à obra e estou a aprender a cozinhar com as minhas vizinhas em Ouarzazate.

Durante o Ramadão, todos os dias comia harira na hora de quebrar o jejum. Se não fosse a casa dos vizinhos, a Fátima vinha aqui a casa oferecer-me uma tigela de Harira e um pão. Foi nesta altura que decidi pedir-lhe se ela e a cunhada me ensinavam a cozinhar.

Estas lições são sempre uma aventura porque eu não falo Árabe fluentemente, a Fátima pouco fala Francês e a cunhada dela (a Fátima mais velha, a quem todos chamam Lalla – que quer dizer senhora) só fala Árabe ou Berbere.

Como não sou um Ás na cozinha e estou a começar a minha aprendizagem na cozinha marroquina, não esperem receitas muito complicadas. 🙂

Esta página é uma espécie de introdução que lhe faço à comida marroquina. Para começar a provar antes mesmo de cá vir fazer uma viagem.

Couscous

O Couscous é um prato tradicional marroquino feito à base de sêmola de trigo cozida a vapor, acompanhada de carne e vegetais.

Couscous Culinária caseira marroquina, Receitas comida em Marrocos

Receitas Marroquinas – Couscous

Geralmente come-se couscous à sexta-feira. Preparar esta receita marroquina é uma arte, demora 3 horas a cozinhar. Comê-lo também é, pois consiste em fazer bolinhas de sêmola e vegetais com a mão para as levar à boca! Pelo que tenho visto, as pessoas mais velhas é que comem assim. O pessoal mais novo usa uma colher, como eu!

Tagine

A Tagine é outra especialidade de comida típica de Marrocos, esta cozinhada num tacho de barro também típico com a tampa em forma de cone. Há várias maneiras de preparar uma tagine: com carne, peixe e/ou vegetais.

Tagine Culinária caseira marroquina, Receitas comida em Marrocos

Receitas Marroquinas – Tagine

Quando a Tagine está pronta, tira-se a tampa e coloca-se a parte de baixo do recipiente de barro no centro da mesa, de onde todos comem. Não com garfo, mas com pão. Para mim, a melhor Tagine que já comi foi feita pelas minhas vizinhas (claro!). E olhem que, ao princípio, até estava desconfiada.

Nunca na vida tinha visto bolas de sardinha – a sério!- elas moem as sardinhas e fazem o que parece ser umas almôndegas. Parece estranho? Acreditem que é delicioso!!!

Comer Peixe em Marrocos

Em Marrocos também se come muito peixe, especialmente nas zonas junto às costas Atlânticas e Mediterrâneas. Há muitas formas de o preparar, entre as quais em Couscous, Tagine ou em sopa. Há também muitos marroquinos que comem peixe grelhado. Quanto mais fresco, melhor.

Receita marroquina Peixe

Receitas marroquinas – Peixe

Omelete Maticha

Esta é a conhecida omelete berbere, feita com ovos e tomate dentro de um suporte de tagine. Muito simples. O ideal para começar a experimentar a culinária caseira marroquina.

Culinária marroquina, pratos marroquinos

Receitas Marroquinas – Omelete Berbere

Harira, a sopa marroquina

A minha primeira lição/aventura a cozinhar comida marroquina em Marrocos. Pois não só aprendi a fazer a sopa, como pela primeira vez na vida usei uma panela de pressão.

Para as Fátimas foi um choque descobrirem que eu não sabia utilizar a panela de pressão. Quando esta deitava vapor até tinha medo. Claro que depois do primeiro minuto de espanto e de interrogações para confirmar se era mesmo verdade, seguiram-se 10 minutos de risota!!!

Não passa pela cabeça das mulheres marroquinas, que fazem tudo em casa, que haja no mundo mulheres que não cozinham e não o sabem fazer. 🙂

As quantidades para esta receita são as que utilizo para fazer Harira na minha panela de 3 litros, dá à vontade sopa para 4 pessoas.

Ingredientes da Harira

  • 1 cebola média ralada;
  • 1 tomate médio ralado;
  • 1 chávena de chá de grão demolhado e sem peles (podem deixar a pele, mas fica melhor se tirarem para o grão se desfazer);
  • 1 chávena de café de favas secas;
  • 3/4 de chávena de café de lentilhas (tenham atenção com as lentilhas, não façam como eu, que a 1ª vez que fiz Harira pus demais e a sopa em vez de ficar encarnada, ficou preta!);
  • salsa e coentros picados;
  • azeite;
  • sal;
  • 1 colher de sobremesa de colorau;
  • 1 colher de chá de pimenta preta (aqui depende do gosto de cada um, se querem a sopa mais ou menos picante);
  • 1/2 chávena de chá de massinhas (eu uso uma espécie de aletria partida);

Pôr todos os ingredientes na panela, cobertos de água e levar ao lume durante uma hora, para que tudo fique bem cozido e o grão, as favas e as lentilhas se desfaçam.

Desfazer em água fria 3 colheres de sopa de farinha e 2 colheres de sopa de concentrado de tomate e juntar à sopa. Se for preciso, acrescentar mais água para encher a panela e corrigir o sal e a pimenta. Mexer até a sopa ferver e engrossar, para depois finalmente juntar a massa.

Facebook Google Pinterest StumbleUpon Twitter

Os comentários deste blog de viagens são via facebook.